1º Fórum Colored Concrete Works

Palestrantes

Marcelo Ferraz

Arquiteto, formado pela FAU USP, em 1978, é sócio fundador do escritório Brasil Arquitetura, onde tem realizado vários projetos com premiações no Brasil e exterior. Dentre eles destacam-se: o Bairro Amarelo, em Berlim, Alemanha, o Museu Rodin Bahia, em Salvador, BA, o Museu do Pão, em Ilópolis, RS e a Villa Isabella, em Helsinque, Finlândia.
Foi colaborador de Lina Bo Bardi de 1977 a 1992 e de Oscar Niemeyer em 2002. Lecionou na 'Washington University in Saint Louis', EUA, como professor convidado. Publicou os livros Arquitetura Rural na Serra da Mantiqueira, 1992, "Francisco Fanucci & Marcelo Ferraz - Brasil Arquitetura Studio", 2005, Arquitetura Conversável, 2011. Apresentou exposição de projetos selecionados no Tokyo Art Museum (2008), Centro Universitário Maria Antonia (2009), Museo Andersen, Roma (2009), Casartac, Turim (2010), ENSA Paris-Malaquais, Paris (2010) e Bienal Panamericana de Quito, Quito (2010).

Francisco Fanucci

Arquiteto, formado pela FAU USP, em 1977, é sócio fundador do escritório Brasil Arquitetura, onde tem realizado vários projetos com premiações no Brasil e exterior. Dentre eles destacam-se: o Bairro Amarelo, em Berlim, Alemanha, o Museu Rodin Bahia, em Salvador, BA, o Museu do Pão, em Ilópolis, RS e a Villa Isabella, em Hanko, Finlândia. Publicou "Francisco Fanucci & Marcelo Ferraz - Brasil Arquitetura" pela Editora Cosac Naify em 2005. É autor de numerosos projetos de mobiliário em madeira, comercializado pela Marcenaria Baraúna. Professor de projeto da Escola da Cidade, em São Paulo desde sua fundação, em 2002. Apresentou exposição de projetos selecionados no Tokyo Art Museum (2008), Centro Universitário Maria Antonia (2009), Museo Andersen, Roma (2009), Casartac, Turim (2010), ENSA Paris-Malaquais, Paris (2010) e Bienal Panamericana de Quito, Quito (2010).

Jesús Marino Pascual

Arquitetura da Universidade de Navarra (Espanha) , em 1978 . Em 1991, ele ganhou o Prêmio de Arquitetura de La Rioja para a recuperação da Estação de Enologia de Haro .

Em 1992 ele foi eleito Decano do Colégio de Arquitetos de La Rioja e Membro do Conselho Superior de Colégios de Arquitectos de Espanha . Ele foi nomeado Gerente Geral e Coordenador para a melhoria da atividade profissional dos arquitetos espanhóis . Então empreendeu a criação de Centros de Avaliação de Tecnologia (CAT ), na sede de todas as Faculdades Territoriais (1993-2000).

Hugo Rodrigues

Engenheiro civil (1977), com mestrado em Materiais de Construção pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, EPUSP (1993) e MBA em Comunicação e Marketing pela ESPM Escola Superior de Propaganda e Marketing, ESPM (2002). Diretor de Comunicação da ABCP, Associação Brasileira de Cimento Portland, entidade técnica da indústria brasileira do cimento, onde atua há mais de 35 anos, tendo respondido por diversas posições de liderança nesse período. Diretor de Marketing do Instituto Brasileiro do Concreto (IBRACON). Membro do Departamento da Indústria da Construção, DECONCIC da FIESP, Federação das Indústrias do Estado de São Paulo. Integra os conselhos editoriais das revistas PRISMA, Soluções Construtivas com Pré-Moldados de Concreto (Mandarim Editora) e CONCRETO & Construções do IBRACON.

Carsten Rosenhahn

Nascido em março de 1974 na cidade de Colônia, na Alemanha o Dr Carsten Rosenhahn é Phd em Química Física e Mecaninca Quântica desde 2000 em Münster, Em 2001 ingressou na área de R&D (Pesquisa e Desenvolvimento) da Bayer/LANXESS em um projeto piloto para os Pigmentos Inorgânicos. Em 2005 tornou-se gerente de produção da área do Processo Laux, processo de produção de pigmentos vermelhos. Sua visão e estratégia foram mais uma vez reconhecidas quando Rosenhahn gerenciou a planta de produção de "lavagem e calcinação" dos Pigmentos Inorgânicos, atualmente Dr Carsten acumula as funções de Head do GPM (Global Product Manager) e Head Global do Competence Center ( Construção, Tintas e Especialidades) Centros de competência responsáveis por agregar ao produto toda a expertise e assistência aos clientes em qualquer lugar do mundo.

Paulo Terzian

Engenheiro Civil (1975). Consultor na área de Tecnologia do Concreto (24 anos), com atuação em dosagens e processos construtivos em concreto armado, protendido, projetado e pré-fabricado. Professor Universitário em Engenharia Civil e Arquitetura (20 anos), professor convidado do curso de Mestrado Profissional do IPT. Co-autor do livro "Manual de Dosagem e Controle do Concreto", ed.PINI. Autor do capítulo(44) sobre Pré-fabricados do livro "Concreto, Ensino, Pesquisa e Realizações", do IBRACON, 2005. Pesquisador do Instituto de Pesquisas Tecnológicas - IPT no Laboratório de Concreto (13 anos). Diretor do IBRACON - Instituto Brasileiro do Concreto, 1988/89. Conselheiro do CREA-SP (12 anos). Agraciado com o Prêmio "ARY FREDERICO TORRES", Destaque do ano em Tecnologia do Concreto em 2007, pelo IBRACON - Instituto Brasileiro do Concreto. Participante de 11 Comissões de Normas da ABNT/CB-18. Participou de importantes obras como Praça das Artes (SP), Estádio do Mineirão (BH), Fábrica da Natura (Cajamar), CENU na Berrine (SP), Sede da Rede Globo (SP), túnel da transposição do rio S. Francisco (22km), Fábrica da Fiat (PE).

© LANXESS 2007-2014 Considerações Gerais de UsoPolítica de PrivacidadeEditor